1 de novembro de 2016

Gavião-bombachinha (Harpagus diodon) retorna todos os anos aos mesmos locais?


*por Willian Menq.

Sabemos
 hoje, graças ao trabalho de Lees & Martin (2015), que o gavião-bombachinha (Harpagus diodon) é um migrante regular na América do Sul. Entre os meses de outubro-fevereiro é encontrado nas florestas do sul, sudeste e parte do centro-oeste do Brasil, onde também se reproduz, migrando para a região amazônica durante o inverno (maio-agosto). Porém, outros detalhes de seus movimentos migratórios, como rotas migratórias, fidelidade aos locais de invernagem/nidificação, permanecem desconhecidos.

Sabemos que rapinantes migratórios do hemisfério norte (amplamente estudados), como o falcão-peregrino (Falco peregrinus), a águia-pescadora (Pandion haliaetus) e o gavião-tesoura (Elanoides forficatus), usam as mesmas rotas migratórias e são fiéis aos locais de nidificação e de invernagem. Dessa forma, é possível que o H. diodon também seja fiel aos locais de reprodução e invernagem, e use basicamente as mesmas rotas migratórias em suas viagens entre a Mata Atlântica e Amazônia.

Semana passada, durante um monitoramento de fauna no município de Mangaratiba/RJ, registrei um H. diodon adulto pousado em uma embaúba na borda de uma mata, exatamente no mesmo local que registrei a espécie em anos anteriores, sugerindo que seja o território usual daquele indivíduo durante sua estadia na Mata Atlântica.

Embora eu não tenha nenhuma evidência que a ave seja o mesmo indivíduo que observei nos anos anteriores, pode ser um indício que H. diodon é fiel aos locais de reprodução/invernagem, da mesma forma que ocorre no F. peregrinus e em outros migrantes. No entanto, somente com trabalhos de marcação e monitoramento via rádio-satélite desvendaremos esse mistério.

Harpagus diodon registrado em dezembro/2015, com um anfíbio nas garras.

Harpagus diodon registrado em novembro/2016 no mesmo local do ano anterior.

Área de ocorrência do Harpagus diodon.
Período de invernagem (maio-agosto), reprodutivo (outubro-março;).

Nenhum comentário:

Postar um comentário